Vinhopedia - A enciclopédia do vinho.

Há mais de 10mil variedades de uvas para a produção de vinhos no mundo todo.

Uvas para produção de vinho

Variedades de uvas para a produção de vinho

Dentre as principais variedades de uvas para a produção de vinhos, estão:

Uvas Tintas

Cabernet Sauvignon

Uva Cabernet Sauvignon

Uma das uvas para produção de vinho mais conhecidas dentre todas as outras. Cabernet Sauvignon crescem bem em diversos países e em alguns países é capaz de render vinhos com uma profundidade, riqueza, longevidade e concentração inigualáveis. A região onde se iniciou o cultivo foi em Bordeaux, na França, que desde o século 18 faz a produção de vinhos com esse tipo de uva, misturando-se com Cabernet Franc, Merlot e algumas vezes com uma pequena quantidade de Petite Verdot e Malbec.

Os sabores clássicos de Carbernet Sauvignon são:  amora, groselha, ameixa, cereja preta e especiarias. A riqueza de tanino (substância que dá adstringência ao vinho) permite que os vinhos Cabernet Sauvignon estejam entre os mais envelhecidos do mundo. Os melhores Cabernet Sauvignon novos têm uma cor escura ou roxa, com acidez firme, grande intensidade e sabores bem concentrados.

 

Merlot

Uva Merlot

Merlot é o vinho que faz sucesso desde os anos 90, e sua popularidade só veio a crescer ao longo de sua cultivação. Para os amantes de vinho, parece que nunca os desejos por ele são saciados. Na Itália é produzido em praticamente todos os lugares possíveis. Em St. Emilion e Pomerol, na França, e a apenas 35km de Bordeaux, são produzidos vinhos de peso, se destacando o Chateau Petrus – um dos vinhos mais caros do mundo.

Diversos misturas de Merlot surgiram na região da Califórnia, Estados Unidos. A primeira mistura que é conhecida como Cabernet Merlot, inclui uma alta porcentagem de Cabernet (até 25%). A segunda mistura é menos dependente de Cabernet, e produz um sabor mais suave, menos tânico e que apresenta sabores de cereja e chocolate. Um terceiro tipo de mistura é o mais leve e simples de todos e o que está fazendo mais sucesso dentre todos os outros 2.

 

Barbera

Uva Barbera

A uva Barbera está entre a mais famosas uvas da região de Piedmon, na Itália, na qual produz conhecidos vinhos como: Barbera d’Asti, di Monferato e Barbera di Alba. No entando a produção tem caído drasticamente nos Estados Unidos. Algumas vinícolas da Califórnia ainda continuam a produzi-lo, porém esse número está diminuindo. Os vinhos são caracterizados pelo alto nível de acidez e baixo nível de tanino. Uma das principais características como um vinho de combinação, é a sua habilidade de manter uma acidez natural, mesmo em climas quentes.

 

Pinot Noir

Uva Pinot Noir

Pinot Noir, a excepcional uva da região de Borgonha, na França. É uma das mais instáveis uvas para o cultivo, pois ela reage de forma muito forte com as mudanças do ambiente, tais como clima quente e períodos frios, e exige um trabalho delicado e bem pesado na sua plantação e cultivo, já que sua pele é facilmente machucada. Mesmo após a fermentação, a uva Pinot Noir pode esconder seus pontos fortes e fracos, fazendo-a umas das mais complicadas para avaliação. Na garrafa também, é como se fosse um camaleão, mostrando-se fraca num dia, e excepcional no outro. Apesar de tudo isso, ela produz um dos melhores vinhos de todo o planeta, como o Romanee Conti.

 

Cabernet Franc

Uva Cabernet Franc

As uvas Cabernet Franc (varietal), normalmente se beneficiam de uma pequena quantidade de Cabernet Sauvignon e Merlot, e podem ser intensas como qualquer um desses vinhos. Um dos pontos fortes do Cabernet Franc é que os melhores vinhos tem um sabor de chocolate e café torrado, assim como um pouco sabor de fruta.

Outros tipos de uva tinta:

  • Pinotage
  • Bonarda
  • Gamay
  • Syrah
  • Tannat
  • Tempranillo
  • Touriga Nacional
  • Sangiovese
  • Bordô
  • Concord
  • Isabel

 

Uvas Brancas

Chardonnay

Uva Chardonnay

Se o Cabernet Sauvignon é o melhor dos vinhos tintos, o Chardonnay é o melhor dos vinhos brancos. As uvas Chardonnay são incríveis, versáteis e crescem muito bem em uma grande variedade de lugares ao redor de todo o mundo. Na região de Borgonha, na França, é usada nos mais requintados vinhos brancos, como  Montrachet, Meursault, Pouilly-Fuisse, e o  Chablis. Dentre outros países que produzem o Chardonnay, a Austrália o s Estados Unidso têm se destacado entre os melhores vinhos.

As uvas Chardonnay tem um sabor bastante neutro, e por elas serem normalmente espremidas e pressionadas e não fermentadas com suas peles (os vinhos tinto são fermentados com a pele), logo após serem espremidas o amora já pode ser sentido quase que instantaneamente. Quando bem cultivado, oferece ricos e intensos sabores de maçã, figo, melão, pêra, abacaxi e limão, juntamente com mel, manteiga, caremelo e sabores de avelã.

Os produtores de vinho produzem de forma complexa utilizando-se de técnicas comuns de vinificação: Fermentação no Barril (período em que o vinho é deixado com sua sedimentação natural) e Fermentação Maloática (processo em que é convertido o ácido málico azedo em ácido lático mais suave). Nenhum outro vinho se beneficia tanto do processo de envelhecimento em carvalho ou barril de fermentação.

 

Sauvignon Blanc

Uva Sauvignon Blanc

Sauvignon Blanc é uma uva com um aroma notável e que normalmente é caracterizado como herbal. A sua principal produção é encontrada em Loire, na França, especialmente em Sancerre e Pouilly-Fume e arredores. É encontrada também por toda a Bordeaux, também na França, em Pessac-Leognan, Graves e Medoc. Na Nova Zelândia houve um grande sucesso na produção de Sauvignon Blanc nos últimos anos, sendo produzidos com um aroma próprio e estilo frutoso, que também acabou se espalhando rapidamente para a América do Norte e França.

 

Moscatel

Uva Moscatel

Moscatel é herança de um mundo antigo. Nos dias de hoje, é conhecido primeiramente como Moscatel, Moscatel Blanc ou Moscatel Canelli. É marcado principalmente pelo sabor floral. Pode ser produzido como varietal (vinho com 85% ou mais de um determinado tipo de uva) ou como mistura (ou vinho de corte, como alguns denominam). Moscato na Itália, Muscat na França ou Moscatel no Brasil, esta uva pode ser transformada em qualquer coisa, desde um vinho com baixo teor de álcool, doce e espumante como o Moscato d’Asti e Muscat de Canelli até completamente seco, como Muscat d’Alsace. Moscatel também produz vinho fortificado como Beaume de Venise.

 

Outros tipos de uva branca:

  • Riesling Renano
  • Pinot Grigio
  • Peverrela
  • Prosecco
  • Semillón
  • Trebiano
  • Gewurztraminer
  • Malvasia Amarela
  • Malvasia Bianca
  • Riesling Itálico
  • Malvasia Di Candia
  • Malvasia Verde
  • Viognier
  • Níagara
  • Níagara Rosada
  • Goethe
  • Flora

 

4 Comentários

  1. Alaides Tortato Zanoni

    6 anos atrás

    Gostei do blog sobre vinhos…

    Responder
  2. vera lucia guzzoni

    6 anos atrás

    queria saber quando é tempo da uva moscatel branca , e como faço para comprar .Moro no Parana em Ponta Grossa e quanto custa o quilo.
    Em outubro estarei indo ate Gramado sera que la eu encontro essa uva . Sem mais agradeço .

    Responder
  3. Paulo

    6 anos atrás

    Gostaria de comprar uvas para fabricação caseira de vinho

    Responder
  4. José Maria Botura

    6 anos atrás

    Apenas como curiosidade. Não sou entendido do assunto.

    Responder

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>